Sobre a loja

Loja virtual para cervejeiros especializada em equipamentos e insumos para produzir cerveja artesanal com o melhor preço: com kit cerveja artesanal, lúpulos, maltes, fermentos, beer kit, post mix, moedor de grãos, kit cerveja IPA, APA, Pilsen, hidromel, com cursos na loja em Curitiba. Também temos diversos produtos para outros fermentados como queijo, vinho, hidromel, kombucha, cidra...

Cerveja Pilsner: Origem e dicas de fabricação

Código: RT92GK5CE

Cerveja Pilsner: Origem e dicas de fabricação

A cerveja Pilsner é notável não apenas por seu domínio moderno, mas também por suas origens relativamente recentes. A popularidade da Pilsner é verdadeiramente mundial, tanto que as receitas da Pilsner ainda dominam os EUA e muitos outros mercados de cerveja. É simplesmente o estilo de cerveja mais popular do mundo.

 

As origens da Pilsner podem ser rastreadas para uma única data e local. Em 11 de novembro de 1842, na cidade de Pilsen, o primeiro barril de Pilsner Urquell foi atingido. (Ref: Daniels) Isso faz da Pilsner um dos estilos de cerveja mais jovens, mesmo entre os estilos de cerveja lager que foram fabricados na vizinha Baviera pelo menos nos anos 1500.

 

Pilsen na Boêmia (atual República Tcheca) tinha uma combinação única de ingredientes e circunstâncias para criar o estilo Pilsner. Primeiro, o país vizinho produzia cevada da Morávia leve de 2 linhas, considerada o melhor malte leve para a fabricação de cerveja. Segundo, o país produziu um lúpulo originalmente conhecido como vermelho Zatac, agora chamado Saaz. O lúpulo Saaz é um lúpulo nobre apreciado por seu aroma.

 

Terceiro, Pilsen tinha água extremamente macia, desejável para fazer cervejas muito claras, e também aumenta a amargura do lúpulo. Finalmente, a Bohemian Pilsen compartilhou muitas técnicas de fabricação de cerveja com a vizinha Baviera. A primeira Pilsner foi criada com uma combinação desses quatro elementos e o quinto elemento importante do fermento da Baviera. O resultado foi uma mistura de lager com um refrescante acabamento de lúpulo aromático que agora conhecemos como Pilsner.

 

O Estilo Pilsner

O exemplo definidor de Pilsner é o Pilsner Urquell original da cervejaria Pilsner Urquell em Pilsen, República Tcheca. De fato, a palavra Pilsner é reservada na Boêmia exclusivamente para fabricantes de cerveja em Pilsen.

 

Pilsners têm uma gravidade original entre 1.044 e 1.056, cor muito clara de 4-6 SRM e taxa de amargor de 35-45 IBUs. Possuem corpo leve a médio, sabor limpo e finalização com baixos diacetis. Elas são tipicamente bem carbonatados e geralmente são servidas em um copo Pilsner alto para melhorar a percepção da carbonatação.

 

Cerveja Pilsner

 

A cor incomumente pálida de Pilsner deriva do uso de malte Moravian Pilsner que é maltado na cervejaria na baixa temperatura de 100-122F versus 170-180F para um malte de cerveja média. A temperatura mais baixa desenvolve menos melodina e uma cor muito mais clara que o malte lager convencional. Também deixa um pouco de umidade residual que estragará o malte Pilsner se não for usado rapidamente.

 

O malte Moravian Pilsner é o mais desejável para a fabricação de cerveja Pilsner, embora possa ser difícil encontrá-lo aqui nos EUA. O malte Pilsner de outras fontes é uma alternativa aceitável, e o malte lager pode ser usado em uma pitada, apesar de resultar em uma cerveja mais escura do que o verdadeiro malte Pilsner.

 

Preparar Pilsner de cor clara a partir do extrato pode ser um desafio, pois os extratos são inerentemente mais escuros do que os maltes de grãos correspondentes devido ao processo de extração. O melhor curso de ação é escolher o mais leve possível pilsner ou extrato de malte de cerveja, se você quiser uma autêntica cor pilsner leve.

 

A Pilsner Urquell usa 100% de malte pilsner, sem outras adições. Alguns fabricantes de cerveja em casa usam uma pequena quantidade (<10%) de CaraPils ou malte de cristal muito leve para adicionar retenção de corpo e cabeça.

 

Pilsners usam um estilo bávaro de decocção de três etapas, embora os Pilsners normalmente sejam triturados com decocções invulgarmente finas e depois fervidos por um período extremamente longo (geralmente 2-3 horas) para ferver o excesso de água adicionada. No entanto, muitos fabricantes de cerveja comerciais e domésticos modernos usam uma mistura de infusão de passo único a 153 F (67 C), com resultados igualmente bons. Alguns adicionam um descanso de proteína.

 

O lúpulo Saaz é usado exclusivamente em Pilsners boêmios tradicionais, com o lúpulo adicionado no início da fervura e a adição do último lúpulo cerca de 30 minutos antes do final da fervura.

 

A água macia é um ingrediente-chave em Pilsner. A água de Pilsen possui água extremamente macia, contendo apenas 50 partes por milhão de dureza. Para cervejeiros caseiros, muitas vezes você pode começar com água destilada e adicionar os minerais mínimos necessários para aproximar a água de Pilsen.

 

O fermento Lager da Boêmia é o fermento ideal para um estilo boêmio encorpado, embora em uma pitada da Baviera ou outro fermento de lager continental possa ser usado para um sabor mais leve e seco. Sua cerveja deve ser fermentada a 50F e lager a baixa temperatura de 35-40F por três a cinco semanas antes de servir.

 

Brad Smith

Produtos relacionados

Sobre a loja

Loja virtual para cervejeiros especializada em equipamentos e insumos para produzir cerveja artesanal com o melhor preço: com kit cerveja artesanal, lúpulos, maltes, fermentos, beer kit, post mix, moedor de grãos, kit cerveja IPA, APA, Pilsen, hidromel, com cursos na loja em Curitiba. Também temos diversos produtos para outros fermentados como queijo, vinho, hidromel, kombucha, cidra...

Social
Pague com
  • Mercado Pago
Selos
  • Site Seguro

Bil Bil Beers Produtos Alimentícios Ltda ME - CNPJ: 14.453.673/0001-01 © Todos os direitos reservados. 2020